"Tem Curumim no Museu" mostra a crianças acervo de obras sacras e tradições indígenas

05/07/2016 12:03
15/07/2016 12:03
America/Belem

Aproximar o público infantil do acervo do Museu de Arte Sacra (MAS), mostrando a importância do patrimônio histórico e cultural da cidade. Esse é o objetivo do projeto “Tem Curumim no Museu”, que será realizado nos próximos dias 7 (quinta-feira) e 15 (sexta-fera), a partir de 10 horas, com entrada franca. O projeto é mais uma alternativa de lazer para as férias escolares de julho.

Idealizada por Pauli Banhos, a iniciativa será desenvolvida com o apoio dos técnicos Natália Buena, Heyder Moura e José Francisco. A programação do dia 7 é voltada ao conhecimento do patrimônio histórico, com jogos de perguntas e respostas, para estimular a curiosidade sobre a influência das sociedades indígenas no âmbito artístico, arquitetônico e cultural do MAS. Já no dia 15, a ação inclui contação de histórias e lendas, por Heyder Moura – que também é ator -, para mostrar às crianças a tradição oral indígena.

Segundo Pauli Banhos, os organizadores do projeto vão utilizar esse período, quando as crianças estão livres das obrigações escolares, para incentivar a prática de visitar museus, por meio de atividades lúdicas. “É um público com menor frequência nas visitações aos museus. Acho que eles têm a ideia equivocada de que o museu não é atrativo para crianças e jovens. A importância deles é fundamental, pois terão conhecimento sobre patrimônio, em uma ação que os aproxima de nosso espaço”, afirma a educadora.

Pauli Banhos também destaca que este tipo de atividade atrai os responsáveis pelas crianças. “É algo fundamental para as futuras gerações e para a perpetuação de lugares tão impressionantes como um museu, alem de proporcionar isso à família toda, pois nas férias os pais acabam acompanhando seus filhos nos passeios, o que pra nós é um ganho. Há muitos adultos que vão manter o primeiro contato agora (com o MAS), por meio dos filhos", ressalta.

Serviço: Projeto “Tem Curumim no Museu”, nos dias 7 e 15 de julho, as 10 h, com entrada franca. Local: Museu de Arte Sacra - Praça Frei Caetano Brandão, s/n, Bairro Cidade Velha. Mais informações: (91) 4009-8805/8845.

Por Camille Nascimento

Fonte: Agência Pará

http://agenciapara.com.br/Noticia/133812/tem-curumim-no-museu-mostra-a-criancas-acervo-de-obras-sacras-e-tradicoes-indigenas